Quais os principais sintomas de Leishmaniose?

Neste artigo iremos analisar os principais sintomas de Leishmaniose e possíveis tratamentos.

O que é leishmaniose ?

A leishmaniose é uma doença endémica na nossa região causada por um parasita, a Leishmania Infantum.

O cão é o hospedeiro principal da doença embora esta possa afectar outras espécies como o gato, raposas, roedores e o homem.

Através da picada do flebótomo os cães tornam-se reservatórios da doença. Alguns animais permanecem assintomáticos outros desenvolvem sintomas, normalmente 1 a 2 meses após a inoculação. No entanto pode levar anos até que um animal infectado mostre sinais da doença.

Quais são os sinais mais comuns da doença?

Os sinais mais comuns da doença incluem onicogrifose (crescimento excessivo das unhas), hiperqueratose nasal, alopécia periocular, dermatite esfoliativa (muito comum nas pontas das orelhas) e ulcerativa (uniões mucocutâneas, local ou generalizada).

Estes sinais são os mais facilmente identificados pelos tutores e muitas vezes o motivo de consulta. No entanto o aumento dos gânglios linfáticos, perda de peso e dor articular são também sinais que normalmente aparecem numa fase inicial da doença.

Alguns animais desenvolvem alterações renais, hepáticas e/ou gastrointestinais. Para além disso é comum apresentarem anemia, esplenomegália e pirexia, bem como sinais neurológicos e lesões osteolíticas numa fase mais avançada da doença.

Existe tratamento para a leishmaniose.

De um modo genérico o tratamento pode passar pela toma de comprimidos, xaropes e injecções, controlo veterinário e análises sanguíneas.

É um tratamento moroso e dispendioso pelo que a prevenção é de grande importância!

A prevenção poderá ser feita através da colocação de pipetas e/ou coleira antiparasitária, vacinação e toma de domperidona oral.

A Drª Sara Soares, médica veterinária da VET.POINT, salienta 3 aspetos importantes da doença.
Veja a sua mensagem:

  1. A leishmaniose é uma doença silenciosa!
  2. A leishmaniose não tem cura, por isso a prevenção é crucial!
  3. Os meses de maior incidência são: Fevereiro, Junho e Outubro!

 

 

sintomas de leishmaniose

 

 

Não se esqueça, a leishmaniose é uma doença sem cura que afecta maioritariamente os nossos cães.
Necessita de esclarecer alguma dúvida?

A VETPOINT, Clínica Veterinária, ajuda na identificação dos primeiros sintomas (sinais) e na prevenção da doença.
Junte-se a nós e descubra como proteger eficazmente o seu cão.
Contacte-nos!

 

Até breve!


927896112 • 211918923
geral@vetpoint-ivl.com