veterinário em Oeiras Nuno leite

Adotei um gatinho. E agora?

Se está a pensar adotar um gatinho, deve ter em atenção algumas coisas cruciais: a alimentação, cuidados de saúde e enriquecimento ambiental.

Quando pensamos em adotar um animal para a nossa casa, muitas vezes pensamos em gatos, porque, na nossa cabeça, são “mais independentes”, “não precisam tanto de cuidados”. Isto não é, de todo, verdade. Em relação aos cães, têm apenas a “vantagem” de que não precisamos de os levar à rua, no entanto, a nível de cuidados podem até ser mais exigentes.

Alimentação de gatinhos

Em relação à alimentação, é importante investirmos um pouco, uma vez que a saúde deles vai depende, em muito, da sua alimentação. Para isso, devemos ter em atenção a quantidade de proteína animal que cada alimentação tem, pois, sendo os gatos carnívoros estritos, necessitam de uma grande quantidade de proteína. Podemos optar por rações grain free ou não, isso fica ao critério de cada pessoa, tendo apenas em mente que a comida deve ser adequada à idade.

Cuidados de saúde

A nível dos cuidados de saúde, temos a vacinação que nos bebés compreende três doses de vacina separadas três a quatro semanas entre si e pode ter início às 8 semanas, a desparasitação interna, que deve ser feita mensalmente até aos seis meses e, posteriormente, a cada três a quatro meses, e desparasitação externa para a qual temos várias alternativas. A esterilização poderá ser feita a partir dos seis meses. De relembrar que o microchip já é obrigatório em gatos e deve ser colocado até aos quatro meses.

Enriquecimento ambiental

O enriquecimento ambiental é uma parte muito importante do desenvolvimento e da vida de um gato. Os gatos gostam de caçar e de explorar, faz parte da sua natureza, por isso devemos recriar isso em casa com brinquedos como ratinhos, canas com fios e brinquedos na ponta, locais para ele se esconder e para treparem. Além disso, ter vários arranhadores em casa também é ótimo para eles. Podemos utilizar brinquedos com comida lá dentro para que eles tenham de brincar para obter o biscoito, por exemplo.

Caixas de areia

Outra questão muito importante tem a ver com as caixas de areia e o tipo de areia que utilizamos. Não existe uma combinação específica que funcione com todos os gatos, cada um tem as suas preferências e hábitos.

Assim, para concluir, quando adotamos um gatinho devemos ter a certeza que temos em casa a comida adequada, caixa de areia e areia, assim como brinquedos para que ele se possa expressar.

 


Vet.Point – Clínica Veterinária Oeiras
Urgências 24h | 927896112 • 211918923 | geral@vetpoint-ivl.com